Canto à quimera

Cantei para celebrar-te
Doce quimera

O som da estrada perdida,
Nos levou ao mesmo caminho

Sem encontros ao acaso
Ilusão desmedida

Acaso é fantasia
Desejo moldado

Não desfrutei de pés descalços
A pele fria não suportaria

O tropeçar do vento
O derramar da ausência

Canto à noite
À procura de tuas raízes

Os timbres de nossa história
A melodia do destino.


“Raise your voice
Every single time they try and shut your mouth.”

Anúncios

Sobre Jacqueroll

Brasileira com muito orgulho, apaixonada pela cultura japonesa (j-pop/Johnny's/dorama/manga/anime/nintendo/日本語), arashian (嵐) e gamer (RPGs). Ver todos os artigos de Jacqueroll

Obrigada por visitar meu blog de poesias. Se tiver algum comentário ou crítica, fique à vontade para comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: