Aquele brinquedo antigo

Aquele brinquedo novo que você um dia teve
Aquele interesse todo que você lhe dava
E o carinho era tanto – insuportável
Que ficar sem te machucava

Alguns anos se passaram
Partes daquele brinquedo foram quebradas
Via-se coração, pele e alma pelo chão
E tudo que eu sentia era pura enganação

Todas ás vezes que lembrava do passado
Aqueles dias felizes – relembrava
Sei que o tempo anda para frente

E a escolha que eu fiz não foi diferente
Preferi deixar tudo para trás
E do futuro não temer, mesmo que me seja tomado.

“When I offer you survival,
You say it’s hard enough to live,
It’s not so bad, it’s not so bad
How do you know that you’re right?”

Anúncios

Sobre Jacqueroll

Brasileira com muito orgulho, apaixonada pela cultura japonesa (j-pop/Johnny's/dorama/manga/anime/nintendo/日本語), arashian (嵐) e gamer (RPGs). Ver todos os artigos de Jacqueroll

3 respostas para “Aquele brinquedo antigo

  • - Jeff!

    hey heeeeey guria!
    Afinal, ambos gostamos de rimas! Muito embora haja uma notoria diferença ! =p

    #internadotwitter hahaha Beijo Linda!

  • R

    Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém…
    Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim…
    E ter paciência para que a vida faça o resto…

    William Shakespeare

  • Jacque

    Impossível exigir sentimentos de alguém, ele nunca será verdadeiro e você jamais estará satisfeito. Tudo precisa ser natural e não forçado. Shakespeare sabia, eu sei… você sabe, o difícil é aceitar, hehehehe…

Obrigada por visitar meu blog de poesias. Se tiver algum comentário ou crítica, fique à vontade para comentar.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: